Com grande produção, Empire of The Sun faz show enérgico em São Paulo

Crédito: Guilherme Mendes
Crédito: Guilherme Mendes

Depois de se apresentar no Rio de Janeiro no último final de semana, o duo eletrônico Empire of The Sun desembarcou nesta terça-feira, 10, no Espaço das Américas, em São Paulo, com um show repleto de luzes e figurinos inusitados. A apresentação, marcada para as 22h, sofreu mais de 1 hora de atraso.

Assim como em seus vídeos que ultrapassam milhões de visualizações no youtube, Steele e Nick Littlemore levaram ao palco diversos elementos que remetem ao reino animal, sempre com um toque futurístico. Leds e luzes neon são vistas a todo momento, dos instrumentos às roupas usadas durante a performance – inclusive dos bailarinos.

No setlist, os australianos apresentaram faixas dos dois álbuns de sua carreira, “Walking On A Dream” (2008) e “Ice on the Dune” (2013), que juntos, somam mais de 2 milhões de cópias vendidas mundialmente. Na falta de novidade no repertório, a dupla investiu em roupagens diferentes das versões em estúdio, mesclando pop rock, eletrônica e pop entre uma música e outra – que funcionou perfeitamente, e manteve a plateia ligada durante todo o espetáculo. No local, ninguém parecia se importar com o fato de ainda ser terça-feira.

Em diversos momentos, o vocalista Luke Steele arriscou frases em português, e ainda com toda a dificuldade na pronuncia, demonstrou o seu amor pelo país. Ele, inclusive, optou por um contato ainda mais próximo com os fãs, descendo do palco e indo cantar com o público na grade.

Mesmo com a casa longe de atingir a sua capacidade máxima, a dupla animou o público presente com hits de sua carreira, como “Standing on the Shore” e “Walking on a Dream”, além do sucesso “Alive“, escolhido para encerrar a apresentação.

Quem assistiu à apresentação do Empire of The Sun no país em 2010, no festival Planeta Terra, e retornou para vê-los em show solo, presenciou um palco muito mais produzido, de nível internacional, o que na época da primeira vinda não aconteceu devido à logística imposta em festivais, que contam com diversos outros artistas no line-up.

O novo disco do Empire of The Sun deve sair em 2016. Enquanto isso, a banda continua com a sua turnê mundial.

COMPARTILHAR