Foto por Camila Cara / Divulgação

Nesta quarta-feira, 28, aconteceu a segunda noite de shows das bandas Foo Fighters e Queens Of The Stone Age em São Paulo, levando – mais uma vez – uma multidão de pessoas ao estádio Allianz Parque. As apresentações extras foram marcadas pela energia e entrega dos americanos, que transformaram o local em uma verdadeira arena do rock.

Os brasileiros do Ego Kill Talent foram responsáveis por abrir os shows no Brasil. A banda formada por Jean Dolabella (bateria / guitarra), Jonathan Correa (vocais), Niper Boaventura (guitarra / baixo), Raphael Miranda (bateria / baixo) e Theo Van Der Loo (guitarra / baixo), se apresentou às 18h, recebendo o público que, aos poucos, ocupavam os espaços do estádio.

O repertório foi formado por faixas de seu álbum de estreia, lançado em 2017, e empolgou a plateia com um show potente.

QOTSA botando pra quebrar

Antes do show principal da noite, o Queens Of The Stone Age trouxe ao palco o seu repertório regado de riffs marcantes, colocando todo mundo para dançar.

A banda, que está na estrada desde 1996, talvez tenha causado estranhamento ao se apresentar como secundária. Mas nem o espaço menor a frente do palco foi capaz de tirar a grandiosidade de seu som.

Com um cenário formado por diversas bases de neon no chão, a banda apresentou sucessos como No One Knows…Like Clockwork e cativou o público nos primeiros instantes do show.

Foto por Camila Cara / Divulgação

Parte do setlist também foi reservada ao seu mais recente álbum, “Villains”, lançado em 2017. E para a surpresa da banda, muitas das faixas, como The Way You Used To Do, já estavam na boca dos brasileiros.

Josh Homme, com toda a sua pinta de galã e bom humor – às vezes ácido – junto aos seus companheiros, conduziu com excelência uma plateia sedenta por aproximadamente 1h10. Tempo que poderia, facilmente, se estender para além das 15 músicas apresentadas.

Surpresas e rock’n roll

Um dos pontos altos da turnê conjunta do Foo Fighters e Queens Of The Stone Age é a pontualidade com os horários previstos das apresentações. A banda de Washington, liderada por Dave Grohl, entrou no palco às 20h50, já tirando o público do chão.

Para essa segunda rodada de shows, o Foo Fighters realizou algumas alterações na ordem do setlist. Everlong, por exemplo, que na noite anterior encerrou o espetáculo, desta vez foi inserida na abertura, seguida por Monkey Wrench, que também costuma aparecer próximo ao fim das apresentações.

A banda, que segue marcando a vida de várias gerações com sua música, ganha ainda mais pontos pela simpatia e carisma do vocalista Dave. Durante todo o show, o artista interage com a plateia e enche os fãs brasileiros de elogios. Aliás, não só ele, como todos os integrantes, mostram uma disposição e domínio invejável sob o palco.

A primeira parte do show contou com um ar nostálgico, com sucessos antigos da banda como Learn to Fly e The Pretender. Na sequência, veio então as faixas mais recentes, como The Sky is a Neighborhood, do disco “Concrete and Gold”, lançado em 2017.

“O Brasil foi o único país no mundo que nos trouxe estrelas nesta música”, disse Grhol enquanto se apresentava frente a um mar de luzes nas arquibancadas e pistas.

Foto por Camila Cara / DivulgaçãoFoo Fighters

Outro momento marcante aconteceu durante o cover de Under Pressure, do Queen, já tradicional nos shows do Foo Fighters. Na ocasião, a banda convidou ao palco um fã chamado Lucas, que comemorava o seu aniversário de 17 anos na plateia. O garoto assumiu a bateria e surpreendeu a todos ao levar a faixa, cantada por Taylor Hawkins e Dave.

Foram quase 2 horas interruptas de pura energia e rock’n roll entregues por Foo Fighters no palco. A banda, mais uma vez, mostrou o porquê é considerada uma das maiores do mundo e justifica, por meio da música, o sucesso arrebatador por onde passa.

A turnê do Foo Fighters e Queens Of The Stone Age no Brasil ainda passará por Curitiba, no dia 02 de março, e Porto Alegre, no dia 03.

Confira o Setlist do show Foo Figthers em São Paulo, no dia 28/02.

Everlong
Monkey Wrench
Learn To Fly
The Pretender
The Sky Is a Neighborhood
Rope
Sunday Rain
My Hero
These Days
Walk
Breakout
Under My Wheels (Alice Cooper cover)
Another One Bites the Dust / Miss You / Blitzkrieg Bop / Love of My Life
Under Pressure (Queen cover)
Times Like These
I’ll Stick Around
Run
All My Life
Bis:
Wheels
This Is a Call
Let There Be Rock (AC/DC cover)
Best of You

 

COMPARTILHAR