Iron Maiden encerra turnê brasileira com show memorável em São Paulo

Iron-Maiden-Show-São-Paulo-Allianz-Portal-da-Música

Após esgotar os ingressos com 1 mês de antecedência do show, o Iron Maiden se apresentou neste sábado (26), no estádio Allianz Parque, em São Paulo, para uma plateia eufórica e sedenta por heavy metal. Cerca de 42 mil pessoas estiveram presentes no local para conferir o último show da “The Book of Souls” no Brasil.

Os primeiros acordes da banda, acompanhados de tochas de fogo no palco, foram suficientes para que os fãs, divididos entre veteranos e novatos, incluindo crianças, fossem à loucura. Com 24 minutos de atraso – ofuscados pela ansiedade do público -, os ingleses deram início ao show ao som de “If Eternity Should Fail”, do álbum mais recente, que também dá nome à turnê.

Aos 57 anos, o vocalista Bruce Dickinson não deixa a desejar. A potência de sua voz e a disposição no palco se mantém firmes mesmo com o passar do tempo, e a entrega é igual em todas as faixas executadas, seja ela um clássico ou não.

Em meios às músicas mais recentes, como “The Red and the Black” ou “Tears of a Clown”, já conhecidas pelo público, também sobrou espaço para os grandes clássicos do Iron, como “Powerslave”, de 1984,  e “Fear of the Dark”, cantadas em coro por todo o estádio.

“Estamos tristes por este ser o último show no Brasil, mas faremos dele o melhor”, disse Dickinson, sob gritos e luzes erguidas pelos fãs.

O trio formado por Dave Murray, Adrian Smith e Janick Gers também dão um show a parte quando o assunto é guitarra. Em cada solo tocado, é possível sentir profundamente a paixão e o envolvimento dos músicos em apresentar aquilo que mais sabem fazer. A naturalidade e sinergia entre eles é algo incomum de se ver. Talvez único de quem carrega nas costas uma grande bagagem.

A música tema do álbum e também da atual turnê, “The Book of Souls”, é tocada com a presença de Eddie, o mascote oficial da banda, que tem seu coração arrancado no palco pelo vocalista. Palco que por sinal traz uma mega estrutura, com um fundo que se alterna entre uma faixa e outra.

Em postagem no instagram oficial da banda, o show da capital paulista foi resumido em uma única palavra: “épico”. E não é por menos, já que além do Sold Out, o Iron Maiden apresentou ao público um show memorável.

COMPARTILHAR