Não há dúvidas que Joe Jackson mal-tratava seus filhos, na época do Jackson 5 na Motown, ele forçava as crianças a trabalhar exaustivamente e ficava com todo o dinheiro pago pelo dono do local, Berry Gordy.

“Eu tive que ser assim para criá-lo, precisei bater nele. Naqueles dias, muitas gangues estavam recrutando moleques nas ruas e colocando um monte de gente na cadeia. Precisei ser duro para mantê-lo longe dessa vida”, tentou se justificar com palavras protetoras em uma entrevista à Jacksonsecretvault.com.

“Não me arrependo de ter batido nele. A mídia hoje faz com que tudo se transforme em algo escandaloso, mas quem aqui nunca bateu nos filhos quando eles estão indo pelo caminho errado?”, completou.