Meghan Trainor – Title

Meghan-Trainor-Title

Álbum: Title
Artista: Meghan Trainor
Lançamento: Jan/2015
Gravadora: Sony Music

Na indústria da música muita gente aparece e some numa frequência inacreditável. Ainda que possuam talentos inquestionáveis, a maioria dos artistas que estreiam com singles chicletes, que imediatamente tomam conta das rádios e paradas musicais, não conseguem se manter a partir da segunda ou terceira música de trabalho. E não são poucos!

A pressão para segurar a fórmula de sucesso inicial, que muitas vezes acontece de forma despretensiosa, não é para qualquer um. Meghan Elizabeth Trainor, ou simplesmente Meghan Trainor ainda permanece nessa prova, e talvez seja demasiado precoce afirmarmos se atravessará, ou não, a corda bamba.

Aos 21 anos, a americana que além de cantar, compõe, toca e produz, ganhou o mundo com o hino “All About That Bass”, na qual, em sua letra, Meghan reforça a ideia da autoaceitação. O ritmo que remete aos anos 60, incorporado a elementos como R&B e Country, imediatamente caiu no gosto do público e dos críticos musicais, sendo considerada uma das melhores músicas de 2014 – com indicações ao EMA e Grammy Awards. Sim! A novata, com o seu primeiro single, foi indicada sem questionamentos ao prêmio mais importante da música!

O seu quarto disco, Title, lançado no início de 2015, nos apresenta com mais profundidade a essência de Meghan, indo além de “All About That Bass” ou “Lips Are Movin”. Banhado basicamente pelo doo-wop, com uma pegada totalmente retroativa, o álbum mantém a sintonia do começo ao fim. “No Good For You” é uma das poucas vezes em que ela foge um pouco disso, dando uma pitada de reggae em certos pontos da faixa.

Em “Like I’m Gonna Lose You” Trainor nos traz uma parceria de peso, que se encaixou perfeitamente ao clima do álbum. John Legend entra no ritmo romântico e ‘zen’ da faixa que sucede a mais ousada “Bang Dem Sticks”.

Ao final do álbum, em “Credit”, o sentimento é de que estamos ouvindo a trilha sonora de um filme dos anos sessenta, ou um comercial de televisão que utiliza do tipo de sonoridade para transmitir alegria e leveza. Aliás, leveza pode ser o resumo de “Title”, que apresenta a jovem americana de estilo britânico ao mundo. Esperamos poder ouvi-lá em próximos trabalhos e, quem sabe, se entregando a novos ares, capaz de mostrar o que ainda ficou escondido.

COMPARTILHAR