Crédito: Yuri Antunes

Crédito: Yuri Antunes

Na última sexta-feira, 11, a banda All Time Low se apresentou pela terceira vez na cidade de São Paulo. Após 3 anos longe do Brasil, o quarteto formado por Alex Gaskarth, Rian Dawson, Jack Barakat e Zack Merrick, lotou a casa de shows Cine Joia, no bairro da Liberdade.

Pontualmente à meia noite, os americanos subiram ao palco ao som de “Satellite”, faixa do mais recente álbum “Future Hearts”, lançado em abril deste ano. Imediatamente, vários sutiãs foram arremessados em direção aos meninos, como já é de praxe. Na sequência, a banda fez a alegria dos fãs mais antigos, tocando sucessos que marcaram a carreira do ATL, como “Lost In Stereo” e “Stella”.

Ainda em seu momento flashback, os americanos foram mais fundo com um cover de “All The Small Thing”, do blink-182. Neste momento, um felizardo da plateia, escolhido pelo vocalista Alex, subiu ao palco para assumir os vocais com o restante da banda.

“Runaways”, música pertencente ao último disco,  fez a alegria do público, que acompanhou a banda do início ao fim, seguida de “Damned If I Do Ya”.

Um dos pontos altos da noite ficou por conta do momento acústico, em que Garskarth assumi o violão para tocar as baladas da banda, como “Therapy”. Foi neste momento que os fãs tiveram uma grande surpresa. Sendo pedida incansavelmente desde início da apresentação,  o vocalista se rendeu ao público brasileiro e tocou “Remembering Sunday”, do segundo álbum da carreira do All Time Low, “So Wrong, It’s Right”, lançado em 2007 – e extinta do setlists nos últimos shows.

Em “Time-Bomb”, o palco foi, novamente, tomado por fãs. Oito sortudos se juntaram ao quarteto para cantarem uma das músicas mais empolgantes da banda. Alex interagiu com todos os admiradores, transformando o momento em uma verdadeira festa.

Após quase 1h50 de show, com músicas que passarem por todas as fases da banda,  os americanos se despediram do público ao som de um de seus maiores sucessos, “Dear Maria, Count Me In” – primeira faixa do All Time Low a alcançar a lista da Billboard -, levando os fãs ao delírio.